Geral

Geral - 21/03/2019
Sinprece convoca categoria para ato nacional em defesa da Previdência Social

Sinprece convoca categoria para ato nacional em defesa da Previdência Social

TEXTO: +A -A

Estaremos mais uma vez protestando nesta sexta-feira (22), às 8h, na Praça da Imprensa, contra a ideia de acabar com a aposentadoria por tempo de contribuição, que somente trará benefícios às grandes empresas e banqueiros. As regras são cruéis e não perdoam agricultores, professores e muito menos as mulheres, que mesmo com dupla jornada, sendo responsáveis pelas tarefas da empresa e do lar, terão que trabalhar até os 62 anos para se aposentar.

A nova regra de apuração do tempo de contribuição atingirá tanto servidores públicos como do segmento privado, sendo proposto o tempo mínimo de 20 anos para aposentadoria com salário proporcional, sendo devido  100% do cálculo do valor do benefício somente para o trabalhador vinculado ao Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) após exercer a respectiva função laboral por 40 anos.

A proposta visa alterar as tabelas das pensões por morte: caso seja aprovada, os viúvos e órfãos receberão somente 60% do valor. O Abono do PIS será pago somente para quem recebe até 1 salário mínimo, enquanto que  antes tinha direito quem recebia até dois salários mínimos. Para pessoas idosas, em situação de vulnerabilidade e abandono, o texto propõe uma redução dos proventos, deixando os assistidos com apenas R$ 400, atingindo a integralidade de benefício somente aos 70 anos de idade.

No texto da proposta de reforma (PEC 6/2019) há muitos contra ataques, todos devastadores para a atual geração e principalmente para as  futuras, as quais correm o risco de não poderem desfrutar da proteção social de uma previdência pública e justa.


Venha conosco! Independente em quem votou no pleito passado, exerça a cidadania e lute por sua aposentadoria com dignidade. Participem, será dia 22 de março a grande paralisação nacional em defesa da Previdência Social.