Notícias

Notícias - 13/09/2007
Saúde realiza paralisação de três dias e promove grande marcha a Brasília/DF

Saúde realiza paralisação de três dias e promove grande marcha a Brasília/DF

TEXTO: +A -A

Entidades Sindicais realizam em Brasília “a Grande Marcha da Seguridade Social”, SINPRECE orienta trabalhadores da Saúde a paralisarem seus serviços entre os dias 19 a 21 de setembro, com atos em frente ao Núcleo do MS. Grande Caravana do SINPRECE se fará presente no movimento em Brasília.

 
Do SINPRECE
 
Os trabalhadores da Seguridade Social no Ceará aprovaram em assembléia uma grande movimentação nos próximos dias 19,20 e 21 de Setembro. Ocasião que será realizada em Brasília a “Grande Marcha da Seguridade Social” com caravanas de todos os estados brasileiros. Do Ceará, uma caravana de 46 pessoas fará intensa mobilização em defesa da carreira da Seguridade Social e outros eixos de luta.
 
Durante a Marcha da Seguridade Social em Brasília, será realizada em Fortaleza, uma paralisação de três dias dos servidores do Ministério da Saúde. Durante o ato, o SINPRECE fará grande concentração em frente à Sede do Núcleo do Ministério da Saúde, a partir das 07 da manhã do dia 19.
 
A Marcha da Seguridade Social irá defender em Brasília e em todo país, a manutenção dos pais na GEAP, a defesa do conceito de Seguridade Social e conseqüentemente nossa almejada carreira funcional, além de mostrar sua posição contrária à implantação das Fundações de Direito Privado na Saúde.
 
Em Brasília, estão previstos além da marcha dos trabalhadores, vigília em frente à sede do Ministério do Planejamento e a realização de ato público. A Marcha da Seguridade Social está sendo organizada conjuntamente entre as entidades sindicais nacionais (FENASPS, CNTSS/CUT e CONDSEF) além do SINPRECE como entidade representante do Ceará. Além da pauta especifica dos servidores do Ministério da Saúde, outros temas também serão levados a Brasília pelas entidades, são eles:
 
a)Negociação Coletiva – Queremos a ratificação imediata da Convenção 151 da OIT, pelo Congresso Nacional;
 
b) Não a limitação de gasto com funcionalismo público – Abaixo o PLP 01/07;
 
c) Emenda 51 e Lei 11350/06 – Pressionar pela implementação da EC 51, que regulamenta os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Endemias;
 
d) Reativação imediata do GT de Carreiras dos Servidores do Ministério da Saúde, da Previdência Social e Ministério do Trabalho, bem como a implementação das Diretrizes de Carreiras do SUS nos estados e municípios;
 
d) Regulamentação da Emenda 29 – mais recursos para SUS;
 
e) Continuidade da reestruturação da Carreira do Seguro Social e a questão da Avaliação de Desempenho
 
f) Manutenção dos pais na Geap;
 
g) PEC 54/99 – Efetivação dos trabalhadores temporários, a mais de 10 anos no serviço público.
 
f) Defesa dos direitos dos trabalhadores da Receita Federal do Brasil, redistribuídos/fixados.
 
Confira a PROGRAMAÇÃO da Marcha da Seguridade Social, que ocorre nos dias 19,20 e 21 de setembro de 2007:

 

Em FORTALEZA
Paralisação de três dias dos servidores do Ministério da Saúde em todo Ceará

Ato Público e concentração em frente à Sede do Núcleo do Ministério da Saúde no Ceará, a partir do dia 19 de setembro, às 07 horas. 

Em BRASILIA

Dia – 16 e 17 de setembro: Saída das caravanas dos estados
Dia – 18 de setembro: Chegada em Brasília/DF
Dia – 19 de setembro: Marcha da Seguridade Social
Dia – 20 de setembro: Vigília em frente ao Planejamento
Dia – 21 de setembro Retorno aos Estados

 

Para saber mais sobre os eixos de luta:CLIQUE AQUI e leia o Acordo de Greve assinado pelo Governo Federal em 2005, no qual ele se comprometia em abrir um GT para formalizar a criação da Carreira da Seguridade Social.CLIQUE AQUI e leia a proposta do Plano de Carreira dos servidores da Seguridade Social

CLIQUE AQUI e leia o projeto proposto pelo Governo que cria as Fundações de Direito Privado na Saúde com comentários do DIEESE.

CLIQUE AQUI e leia matéria sobre a luta pela Manutenção dos pais na GEAP