Geral

Geral - 11/09/2018
Sinprece denuncia deficiência no setor de Recursos Humanos do Ministério da Saúde

Sinprece denuncia deficiência no setor de Recursos Humanos do Ministério da Saúde

TEXTO: +A -A

A Diretoria Colegiada do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde, Trabalho e Previdência Social (Sinprece) denuncia o número reduzido de servidores no atendimento do setor de Recursos Humanos do Ministério da Saúde, em Fortaleza. São apenas 2 (dois) trabalhadores responsáveis pela demanda de 2.450 funcionários, sendo que um dos atendentes já ingressou com pedido de aposentadoria. O departamento é responsável pelo encaminhamento de aposentadoria, contagem de tempo, abono de permanência e licença prêmio.

Trata-se de uma sobrecarga, um trabalho desumano! Um problema recorrente, que se repete em outras repartições públicas. Trabalhadores abarrotados de tarefas sem perspectivas de dias melhores no serviço público. Um fato simples que poderia ser resolvido se houvesse vontade política, pois há anos não é realizado concurso para reposição de vagas.

Diante dos fatos, a assessoria jurídica do Sinprece protocolou um pedido de reunião com os gestores da pasta para tratar a deficiência no RH da instituição. Além disso, o Sinprece e a Fenasps buscam uma solução a nível local e nacional.