Geral

Geral - 21/10/2019
Fenasps e Sinprece apresentam reivindicações da categoria no Ministério do Trabalho

Fenasps e Sinprece apresentam reivindicações da categoria no Ministério do Trabalho

TEXTO: +A -A

O corte da Insalubridade dos servidores do Ministério da Saúde, código B-460, foi pauta levantada pela representante da Fenasps no Ceará, Carmem Marques, e pela diretora do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde, Trabalho e Previdência Social (Sinprece), Percides Rodrigues, em visita à superintendência regional, em Fortaleza, na última quinta-feira (17). As sindicalistas também expuseram reclamações acerca da demora para a conclusão de processos de aposentadorias.

A superintendente adjunta do órgão justificou que parte dos servidores prejudicados já está recebendo a gratificação e que, com base na perícia realizada pelos engenheiros do trabalho, entre os meses de abril e maio, o restante do grupo estará com a bonificação regularizada em breve. Segundo gestões, o pagamento retroativo dos valores retirados também serão efetivados, já que existe uma averbação por tempo de serviço com a respectiva insalubridade.

Por fim, as diretoras cobraram um posicionamento sobre o remanejamento desrespeitoso de servidores do Cejam, que após incêndio foram transferidos para o Posto Carlos Ribeiro no Jacarecanga, em seguida para a Policlínica do Jangurussu e agora terão que mudar novamente. O titular da pasta relatou que está acompanhando as alterações e fazendo os devidos questionamentos à Prefeitura de Fortaleza. Com isso, diante a denúncia apresentada pela Fenasps e Sinprece, o titular da pasta marcou uma visita à Policlínica juntamente com as entidades representativas.