Geral

Geral - 18/05/2022
Servidores do INSS do estado do Ceará aceitam proposta do governo com ajustes e permanecem em estado de greve

Servidores do INSS do estado do Ceará aceitam proposta do governo com ajustes e permanecem em estado de greve

TEXTO: +A -A

Servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deliberaram nessa terça-feira (17), em assembleia híbrida, aceitar a proposta do governo com ajustes, todavia, permanecerão em estado de greve até o momento da assinatura do acordo.

Diretores do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde, Trabalho e Previdência Social (Sinprece) expuseram todos os pontos apresentados no documento. Servidores analisaram e pediram destaque e, por fim, fizeram a votação.

O resultado será apresentado na Plenária da Fenasps pelos delegados. No Ceará, o movimento paredista teve início em 23 de março e registrou significativa adesão em muitos municípios do interior. Na capital, algumas agências também fecharam totalmente.